sábado, 24 de novembro de 2012

Catedral FM reduz espaço de programa de debates que está completando 20 anos

Uma grata surpresa no dial carioca. A Catedral FM 106,7 reduziu em pelo menos dois dias da semana seu tradicional blá blá blá "AM em FM". Seu histórico programa de debates Vox Populi (da Associação Cultural da Arquidiocese do Rio de Janeiro) entrou no ar em dezembro de 1992, junto com a própria rádio. Até o início de outubro de 2012, o programa ia ao ar de segunda a sexta-feira, de 18:10 a 19h. Desde outubro passado, o programa perdeu suas edições de segunda, terça, quinta e sexta. Agora vai ao ar somente às quartas-feiras, com os mesmos temas que levava ao ar tradicionalmente às segundas-feiras: o noticiário geral, com ênfase na política municipal, estadual e nacional, às vezes abordando também política internacional.

Nas segundas e terças-feiras, o horário anteriormente ocupado pelo Vox Populi é ocupado agora por música católica. O blá blá blá "AM em FM" continua com o próprio Vox Populi às quartas-feiras e com dois novos programas: Saúde em Debate (debates e entrevistas sobre saúde) às quintas-feiras e Panorama da Semana às sextas-feiras. Saúde em Debate é herdeiro direto do Vox Populi, que já levava ao ar debates e entrevistas sobre saúde às quintas-feiras.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Nasce o grupo de discussão do TRIBUTO no Facebook

Escrito em 19 de novembro de 2012 por Marcelo Delfino para o grupo Dial do Rio de Janeiro.

Amigos

Eu pensei um pouco, tomei uma decisão, e gostaria de obter apoio de todos. Dado o iminente fim deste grupo de discussão, tratei eu mesmo de criar outro também dedicado ao dial carioca. O nome do grupo só poderia ser GRUPO DO TRIBUTO AO RÁDIO DO RIO DE JANEIRO.

http://www.facebook.com/groups/grupodotributo

De cara, convidei para o grupo três dos colaboradores históricos do TRIBUTO: Ernesto Pina, Leonardo Ivo e Diogo Alves. Ainda pretendo convidar os irmãos Pereira e outros interessados no bem do dial carioca. Os demais membros do grupo do Ernesto não se sintam acanhados. Quem quiser integrar o grupo, peça adicionamento. Alguns poderei convidar, ou mesmo poderão receber convite dos outros que já estão no grupo.

Não pretendo criar agora um texto com tamanho de testamento de milionário, a título de regras do grupo. Basicamente, proponho inicialmente regras básicas de boa convivência:

Nada de postagens sobre assuntos não relativos ao rádio do Rio de Janeiro ou sobre o que venha a influir nele.

Nada de picuinhas nominais entre os integrantes. Quem quiser fazer briguinha pessoal, faça isso fora do grupo.

Nada de fechar o grupo em apenas um segmento: só ouvintes, só radialistas, etc. Aqui todo mundo estará no mesmo barco. Se o rádio do Rio está afundando com um buraco no casco, está afundando todo mundo junto, até que alguém conserte o buraco.

Confrontos de ideias serão sempre permitidos, sempre dentro dos limites do respeito pessoal.

A princípio, não haverá marcação de encontros pessoais avalizados pelo grupo. Isso terá que ser discutido para o futuro.

Venham, amigos! Façamos isso aqui valer a pena. Por um dial carioca melhor!